0 votos
Ontem, domingo a noite, fui deitar-me para dormir, estava sóbria, nao tinha bebido, não fumo tabaco e jamais fiz uso de qualquer tipo de drogas ou chás alucinogeneos
Ando frequentando toda semana um terreiro de umbanda sério de minha cidade.

No que eu fui me deitar, veio um "ponto" de Iemanja em minha mente do nada, e segundos depois minha cabeça começou a girar loucamente como se eu tivesse tendo uma vertigem, como se eu estivesse em um gira-gira.

Levantei-me com dificuldade por conta da tontura, e logo ao lado da minha cabeceira estava acesa uma vela branca para meu anjo da guarda (acendi a vela durante o dia) em meu quarto, posicionei-me em frente a ela e fechei os olhos, depois disso comecei a balançar pra frente e pra trás, abri meus olhos de novo, bebi agua e tudo passou


o que será que foi isso? seria o inicio de uma incorporaçao???
perguntou por

2 Respostas

0 votos
Olha Flora, não creio que os guias espirituais desrespeitariam sua casa ou sua falta de afinidade com a incorporação. O que você sentiu pode ser a vibração da energia de Iemanjá e dependendo da intensidade os sintomas podem ser semelhantes, principalmente para quem não está acostumado. Converse com o dirigente espiritual desse terreiro que frequenta ou com algum guia e conte seu caso, creio que eles possam lhe dar uma boa opinião e talvez esteja na hora de desenvolver sua mediunidade.
Espero ter ajudado, um abraço!
respondida por (3.8k pontos)
0 votos
Oi Flora... Comigo tem acontecido algo semelhante. Estou frequentando o terreiro e cada vez me inteirando mais das vibrações, vivendo estas energias, principalmente na gira de pretos velhos e ciganos.
Porém, passo mal quando chego em casa. A gira termina tarde, saio super bem de lá, mas quando vou deitar me vem umas sensações estranhas de falta de ar, coração acelerado, bola na garganta (a ponto de ter dificuldade para engolir o chá que eu tomava), pressão na cabeça... Um dia pedi ao meu guia para parar aquilo e em resposta, me veio na cabeça "apague a vela". Não sabia que não era bom acender velas a noite para os santos. Apaguei e depois passou.

Noutra ocasião também passei mal após frequentar a gira de ciganos. Me vi as 2h da manhã em um misto de sonho e realidade, pensamentos confusos e aquela sensação de novo... palpitações e sensação que minha cabeça era um balão que subia e descia.

Enfim, rezei e pedi para passar. Não sei o que está havendo, mas creio que devemos buscar maiores informações com os pais de santo da casa em que frequentamos.

Não sei você, mas as vezes sinto medo de sentir estas coisas em casa... me sinto vulnerável.

Beijos
respondida por (200 pontos)
...